Copyright 2019 - Equipe EESC USP Baja SAE | Todos os direitos reservados

Regional 2019

  A 13ª Competição Baja SAE BRASIL - Etapa Sudeste aconteceu entre os dias 22 e 25 de agosto de 2019, mais uma vez na EEP - Escola de Engenharia de Piracicaba, em Piracicaba e contou com 30 equipes. Nos inscrevemos como EESC USP  e por meio de um sorteio aleatório recebemos o número #22.

   O Protótipo 19 (que conquistou a 25ª Competição Nacional 2019 e o 6º lugar no Mundial Baja SAE Rochester 2019) chegou dos Estados Unidos apenas 29 dias antes do início do Regional o que requereu uma organização e preparação intensa para adaptação do veículo à competição brasileira. 

3º dia 

    No sábado o foco eram as apresentações de projeto pela manhã e provas dinâmicas no período da tarde. Os membros  da Equipe apresentaram para juízes todo processo de projeto, construção e validação do protótipo e da equipe, em que foram avaliadas, em um novo formato proposto, as áreas: Dinâmica longitudinal, Dinâmica vertical e lateral, Cálculo e validação estrutural, Eletrônica embarcada e aquisição de dados, Gestão e planejamento estratégico e Plano de negócios. Obtivemos os seguintes resultados:

  • Dinâmica longitudinal: 10º lugar

  • Dinâmica vertical e lateral: 1º lugar

  • Cálculo e validação estrutural: 1º lugar

  • Eletrônica embarcada e aquisição de dados: 3º lugar

  • Gestão e planejamento estratégico:  1º lugar

  • Plano de negócios: 4º lugar

1º e 2º dias

    No segundo dia, realizamos o credenciamento e montagem dos boxes pela manhã. Posteriormente, o carro passou pela Inspeção de Conformidade Técnica e Segurança em que verifica se os veículos estão aptos a participar das Provas Dinâmicas. Não tivemos nenhum re-check ou penalização e terminamos a preparação do carro para o próximo dia. No período da noite houve uma cerimônia de abertura do evento.

    No primeiro dia realizamos a entrega das doações de fralda e leite em pó para que pudéssemos retirar o material do Capitão que continha a ficha de liberação para a entrada do caminhão da equipe nos boxes. As doações são destinadas a uma instituição selecionadas pela SAE BRASIL.

    As provas dinâmicas aconteceram no período da tarde e são compostas por: Suspensão, Rampa lateral, Aceleração e Retomada. Apesar de um capotamento não tivemos danos no carro e nos consagramos com as seguintes colocações:

  • Aceleração: 3º lugar

  • Retomada: 1º lugar

  • Rampa lateral: 2º lugar

  • Suspensão: 1º lugar

  • Geral: 1º lugar

5º dia 

 No último dia ocorre a prova com maior possibilidade de pontuação, o Enduro.

  Entramos na prova em 1º lugar geral devido aos resultados das provas dinâmicas e  como pontuamos muito bem nas dinâmicas e tivemos bons resultados com a apresentação de projeto abrimos uma diferença de pontos para o segundo colocado de quase 30 ponto e 65 do terceiro. Então, a estratégia era rodar num ritmo mais tranquilo poupando o carro para que pudéssemos completar todo o enduro.

   Rodamos todo o tempo de prova parando devido a duas penalizações por ultrapassagem e duas necessidades de reparo no link. Conseguimos, assim, finalizar o Enduro em primeiro lugar, com um total de 84 voltas.
   Com esses resultados, asseguramos o primeiro lugar na classificação geral abrindo uma diferença de mais de 127 pontos para o segundo colocado. Conquistamos, assim, o nosso segundo título regional com uma pontuação recorde de 938,17 mostrando mais uma vez a capacidade de superação da nossa Equipe. Obrigado a todos que nos apoiaram nesta conquista, as Equipes que participaram da competição, nossa Escola, patrocinadores e a SAE Brasil! Agora o objetivo é o 9º título Nacional!